sexta-feira, 9 de outubro de 2009

CAOS MENTAL #1


Ele olha seu reflexo e tudo o que mais desejava era ser cego naquele momento. Assistir sua aparência triste, tinha efeito de ácido em seus olhos. Deitou em sua cama e sentiu seu mundo girar, suas idéias se foram e a sua mente estava tão vazia que ficou inconsciente; se o mundo caísse sobre sua cabeça ele simplesmente não sentiria.
Durante horas seu mundo parou - não sentia fome, não sentia vontades – se pudesse sentir vontade seria voltar à inconsciência e nela ficaria, era melhor não pensar, era melhor esquecer de respirar do que voltar à sua realidade masoquista.
Estava tão submerso em suas paranóias, essas que ele sabia que tinham fundamentos. Tudo o que ele não estava, era louco; sempre soube compreender, separar e controlar as coisas, ele sabia que a razão estava ao seu lado, mas é difícil enfrentar o problema quando ele é simplesmente tudo pra você.

Continua...


Rafael Pimentel

4 comentários:

gerson oliveira | 9 de outubro de 2009 16:37

Continua.. Parece ser interessante, parece que sou eu a alguns meses.
:P

Caroline Ortiz | 9 de outubro de 2009 18:53

Parece que era eu há alguns dias atrás, e esse 'continua...' pode representar meu futuro. Ás vezes realmente é melhor nem pensar, são em momentos como estes que talvez não gostariamos de ser um ser racional, que possui sentimentos e angustias.

Thata | 9 de outubro de 2009 20:43

você colocou *oooo*

Larissa Alves | 29 de novembro de 2009 09:17

mas é difícil enfrentar o problema quando ele é simplesmente tudo pra você.

Rafael,eu pago madeiras gigantes pra você :)